Central de Cervejas vai criar fileira de cevada no Alentejo
Publicado | 2020-07-27 03:48:58
 
Com o objectivo de potenciar a inovação na cadeia de valor e de promover a agricultura nacional, a Central de Cervejas vai criar uma fileira de produção de cevada dística no concelho de Alcácer do Sal.
 

Segundo informação da autarquia de Alcácer, vai ser implantada uma área total de 100 hectares de produção de cevada, distribuídos por três produtores agrícolas e com uma estimativa de produção anual total de 300 toneladas de cevada dística. O projecto começou a ser desenhado em 2019 vai desenvolver-se com os produtores de arroz da região do Vale do Sado com garantia de aquisição dessa produção pela Central de Cervejas.

Esta iniciativa conjunta surge como resposta ao problema de escassez de água que a região do Vale do Sado tem sofrido nos últimos anos, acrescido dos constrangimentos de acesso a água em 2020, como consequência de obras a decorrer nos canais de rega, o que afectou negativamente a produção de arroz. A criação desta nova fileira de cevada em Alcácer do Sal é também uma oportunidade para os produtores agrícolas desta região mitigarem efeitos da situação de crise dos últimos anos, através deste rendimento alternativo e, simultaneamente, uma diversificação agrícola a longo prazo, através da implementação de uma cultura de sequeiro. 

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda