AIRBUS A310 estacionado em Beja começou a ser desmantelado
Publicado | 2020-07-21 05:43:39
 
Avião Airbus A310, que pertencia à SATA Air Açores e que estava estacionado há dois anos na placa do Terminal Civil Aeronáutico de Beja, começou a ser desmantelado.
 

A aeronave foi adquirida à SATA por uma empresa que lhe retirou os dois reactores e abandonou a carcaça na placa do TCB. Em Abril de 2019, o A310 chegou a ser mudado para as placas da BA11, mas, voltou ao TCB, onde ainda se encontra.

No final de Março, a dívida acumulada à ANA pelo “estacionamento” da aeronave rondava os 320 mil euros. Um grupo empresarial de Beja, ainda pensou em adquirir a aeronave, para a transformar em alojamentos personalizados em turismo rural, mas o custo do parqueamento em dívida e o preço de aquisição, a que se juntou a pandemia, fizeram desistir do projecto.

O desmantelamento está a cargo da Unidade de Beja da AmbiGroup Resíduos, teve início no passado dia 9 e tem um prazo de execução de 90 dias.

Depois do corte do aparelho, haverá aproveitamento de equipamentos para outras aeronaves, o tratamento de alguns componentes em Beja e a reciclagem de outros materiais.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
27 31
16 14
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda