Praça de Moura poderá receber corrida de touros já em Julho
Publicado | 2020-05-27 10:40:10
 
Numa entrevista dada hoje ao site taurino “Touro e Ouro”, José Maria Charraz, actualmente a gerir a Praça de Touros de Moura, diz que “a sua tradicional Corrida de Touros pode realizar-se no dia 19 de Julho, por ocasião das festas locais, das quais este ano só se vai realizar a parte religiosa, ainda que fortemente condicionada.”
 

O empresário tauromáquico esclarece que “em conjunto com autoridades locais e de saúde, estão a trabalhar para encontrar soluções de viabilização do espectáculo.”

De acordo com declarações de José Maria Charraz, ao site -Touro e Ouro - este está a “trabalhar com a câmara e as autoridades de saúde locais, de modo a que possamos encontrar soluções que viabilizem a realização do espectáculo”, refere-nos o empresário, que nos salienta que no Baixo Alentejo os casos positivos de covid-19 têm sido em número bastante reduzido e os que existiram em Moura, foram devidamente controlados e a situação está identificada e segura.

Questionado sobre que medidas estão a ponderar levar a efeito, o empresário esclarece que, “se as autoridades permitirem pelo menos 50% da lotação poderei avançar com o espectáculo, garantindo a segurança dos espectadores, que entram por uma porta bastante larga, vão estar devidamente separados, possivelmente sem se venderem barreiras e contra barreiras e fila sim - fila não, com lugares de intervalo, de acordo com as regras da Direcção Geral de Saúde, havendo ainda na praça diversos pontos de distribuição de álcool gel”, sendo que, “estamos neste momento em conversações, de modo a tentar perceber o que vai também revelar a Inspecção Geral das Actividades Culturais e a DGS, de modo a que as nossas medidas vão ao encontro das medidas tomadas a nível nacional, mas se conseguirmos garantir a segurança para metade da lotação da praça, iremos levar a cabo a tradicional corrida de 19 de Julho”.

Sobre as medidas a levar a cabo para os artistas, o empresário salienta que, “todos os artistas vão ter que efectuar testes, estamos também a verificar essa situação, não estando ainda nada definido”, conclui.

De momento o empresário está a trabalhar tanto na viabilização do espectáculo, como no cartel, para o qual apenas está confirmada a presença de touros da divisa Ascensão Vaz.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda