Covid-19 – Restauração de Moura confiante para reabertura
Publicado | 2020-05-17 17:48:54
 
Os restaurantes, cafés e pastelarias, que até aqui podiam funcionar apenas em ‘take-away’ ou com entregas, reabrem portas, podendo servir os clientes no interior dos espaços, com normas de segurança e lotação máxima reduzida a metade.
 

Segundo apurou a Planície, junto de alguns proprietários de restaurantes e cafés do concelho de Moura, este “é um momento importante, foram tempos difíceis, particularmente para a restauração, tendo havido estabelecimentos em risco de fechar, e já não reabrir portas.” Afirmaram alguns comerciantes de restauração do concelho.

Uma reacção que notamos, em grande parte dos proprietários, foi a esperança e confiança para o futuro, mas ao mesmo tempo a incerteza, visto que estas medidas de segurança condicionam, em muito, o funcionamento dos mesmos. Estes estabelecimentos fizeram algumas remodelações, de forma a cumprir as normas impostas pela Direcção Geral de Saúde.

Também, esta segunda-feira as esplanadas, as lojas com porta aberta para a rua até 400 metros quadrados e os estabelecimentos turísticos e o alojamento local voltam a poder disponibilizar os seus serviços de bebidas e restauração para o exterior e não apenas para os seus clientes, como até aqui acontecia.

Recordamos que o país esteve praticamente fechado quase dois meses para conter a disseminação do novo coronavírus e, após três períodos em estado de emergência, entre 19 de Março e 02 de Maio, Portugal entrou em situação de calamidade a 03 de Maio, altura em que se iniciou a primeira fase de desonfinamento com a reabertura do comércio de rua.

A estabilidade dos números de casos do covid-19 levou o Governo avançar para a segunda fase de desconfinamento, que acontece esta segunda-feira.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda