Covid-19 - ACOS exige “apoio imediato” à agricultura
Publicado | 2020-05-11 04:28:02
 
A ACOS – Associação de Agricultores do Sul exigiu “medidas de apoio imediato” para evitar a falência de empresas e o aumento do desemprego no sector agrícola, na sequência da pandemia de Covid-19.
 

Segundo um comunicado da Associação “Os agricultores estão a trabalhar, mas há produtos que não estão a ser escoados, os preços ao produtor estão a baixar, a economia das explorações está a ser afectada. São necessárias medidas de apoio imediato para evitar a falência das empresas e o aumento do desemprego”. 

No documento pode ler-se que “apesar de a agricultura não parar, em consequência da actual pandemia que está a afectar a saúde humana e a economia do país em geral e a da agricultura em particular, estão a sentir-se algumas ondas de choque com reflexos negativos no sector agrícola.

Impõe-se agora mais do que nunca o mote Agricultura Con(s)ciência” que tinha sido escolhido para reflexão e partilha de saber na edição deste ano da Ovibeja, que devia ter decorrido entre os dias 29 de Abril e 3 de Maio, mas foi cancelada devido à pandemia.

“De ‘mãos dadas com a ciência importa salvaguardar a produção de qualidade e estimular a saúde e a vitalidade das empresas do sector primário nas zonas de interior, como é o caso do Alentejo”, defende a ACOS, frisando que “a partilha de informação, de experiências e de conhecimento é agora mais importante do que nunca”.

Segundo a associação, “a ciência impõe-se como resposta objectiva e de salvaguarda da qualidade” e o “reforço do trabalho conjunto”, incluindo a articulação entre a produção e o escoamento de produtos, “é outro dos indicadores que importa trabalhar”.

A ACOS finaliza a dizer que “quer fazer parte da solução na defesa dos interesses dos seus associados distribuídos por todo o sul do Tejo” e frisa que “a voz de quem está no terreno é fundamental para o traçado de novas políticas que se impõem, tanto nacionais, como na nova PAC”. 

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
34 36
14 15
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda