Covid-19- Serpa exige reabertura dos postos e extensões de saúde do concelho
Publicado | 2020-04-11 06:13:39
 
Segundo um comunicado da Câmara Municipal de Serpa, a autarquia bem, como todas as Juntas e Uniões de Freguesia do concelho, enviaram, nesta sexta-feira, dia 10 de Abril, um documento onde é solicitado “o esclarecimento a várias entidades nacionais e locais, nomeadamente ao Presidente da República, ao Primeiro-Ministro, à ministra da Saúde, ao presidente do Conselho Directivo da Autoridade Regional de Saúde, à presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, entre outras, sobre o encerramento das extensões e postos de saúde no concelho de Serpa, encerradas desde o passado dia 26 de Março.” Em causa está o facto de o acesso aos cuidados primários de saúde estar a ser dificultado, e mesmo vedado, a uma parte da população, “nomeadamente aos mais vulneráveis, entre eles idosos e população portadora de mobilidades”.
 

O comunicado refere ainda que “encerramento dos postos e extensões de saúde no concelho deixa grande parte da população sem acesso a um direito básico, consagrado na Constituição da República, uma vez que implica, em contexto de Estado de Emergência, a deslocação de utentes de todos os pontos do concelho, ao Centro de Saúde de Serpa, deslocações que num contexto normal, já são bastante difíceis.”

Na opinião das autarquias que subscrevem o documento agora enviado, “a situação gerada pela pandemia Covid-19 não pode menosprezar outras doenças com taxas de mortalidade muito elevadas entre a população idosa”, sendo considerada “inaceitável a adopção, de forma unilateral, deste tipo de medidas”, pelo que “defendem a necessidade da reabertura e manutenção em funcionamento de todas as Extensões de Saúde nas Freguesias, porque são estas que conseguem prestar os cuidados primários de saúde que as populações necessitam”.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
36 37
21 18
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda