Bloco questiona Governo sobre morte no Hospital de Beja
Publicado | 2020-02-24 00:52:56
 
Segundo um comunicado do Bloco de Esquerda enviado à nossa redacção, o Grupo parlamentar do Partido, questionou o Governo sobre o falecimento de um utente na sala de espera da urgência do Hospital de Beja.
 
O BE sublinha que “alegadamente, o falecimento terá acontecido depois mais de três horas e meia de espera para ser atendido.
O Hospital de Beja pertence à Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo e, segundo as informações conhecidas, o utente estaria sentado numa cadeira de rodas à porta das urgências do hospital de Beja depois de ter estado mais de três horas, entre as 17:30 e as 21:00, na sala de espera com uma pulseira amarela (caso considerado urgente) à espera de ser atendido por um médico.
Perante esta situação é essencial que o Hospital de Beja proceda ao seu esclarecimento.”
O partido defende ainda que “perante esta situação, seja accionada a intervenção da Inspecção Geral das Actividades em Saúde (IGAS) e que seja disponibilizado o acesso ao relatório resultante.”
O Bloco de Esquerda deixa algumas questões ao Governo entre as quais se o mesmo tem conhecimento da situação; se foram acautelados os reforços dos recursos humanos para responder adequadamente à procura dos serviços daquele hospital? E se o Hospital de Beja dispõe de recursos humanos necessários ao seu funcionamento?

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
38 38
20 17
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda