CIMBAL - Balcões de Atendimento não Permanente da PSP com balanço positivo
Publicado | 2020-01-13 04:19:33
 
A Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, (CIMBAL) e o Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Beja, no âmbito da parceria estabelecida, criaram condições para o funcionamento de Balcões de Atendimento não Permanente (BANP), nos onze concelhos do Baixo Alentejo que não dispõem de estruturas fixas da PSP.
 
O presidente da Comunidade Intermunicipal, Jorge Rosa, afirmou que “o balanço é extremamente positivo, dado que nós conseguimos levar a Polícia de Segurança Pública e este procedimento, que tem a ver com armas, a todos os 13 concelhos da CIMBAL, sendo que o concelho de Beja e Moura tem PSP, o que não sucede com os outros 11.
Com este programa, a PSP, vai a cada sede de concelho e isso permite às pessoas tratarem das coisas com maior proximidade e segurança.”
Jorge Rosa acrescentou ainda que “foram entregues centenas de armas, licenciadas outras, renovadas e repostas algumas ilegalidades. Foi também aproveitada a presença da Polícia para esclarecimentos.”
Este serviço iniciou-se em Outubro de 2018 e, periodicamente, passou por todos os concelhos do Baixo Alentejo (com excepção de Beja e Moura).
Ao longo deste período, foram realizados 440 atendimentos a cidadãos, nomeadamente processos de renovações, livretes, detenções no domicílio, entre outros. Neste mesmo serviço foram recepcionadas 178 armas, entregues a favor do Estado.
Considerando a importância deste serviço de proximidade junto dos cidadãos e a grande afluência registada, a CIMBAL e Comando Distrital da PSP de Beja irão proporcionar condições para a sua continuidade, ao longo do ano de 2020.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
15 17
10 10
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda