PCP faz recomendações ao Governo sobre o Aeroporto de Beja
Publicado | 2015-07-03 03:56:54
 
O impasse e a indefinição que se vive quanto ao Aeroporto de Beja, levaram o PCP a abordar o Governo sobre esta matéria, endereçando-lhe uma série de recomendações.
 
Os comunistas dizem que a actual situação do Aeroporto do Baixo Alentejo leva a pensar que tanto o anterior Governo como o actual, nunca tiveram a intenção de colocar a infra-estrutura em funcionamento, acusando que se avançou apenas com a construção porque politicamente se tornou insustentável que não se concretizasse a obra.
O PCP recorda que em 2012 foi criado um Grupo de Trabalho para encontrar soluções sobre a utilização civil do Aeroporto de Beja. O Grupo de Trabalho entregou um Relatório ao Governo, ainda em 2012, com recomendações.
Segundo os comunistas o Governo, desde a entrega do documento nada mais assumiu e nada desenvolveu, para além da privatização da ANA Aeroportos.
O PCP quer que o Governo proceda, com caracter de urgência, à revisão do Plano do Aeroporto de Beja, reforçando as estratégias já definidas, designadamente as actividades ligadas ao sector produtivo. Há ainda a sugestão para que seja desenvolvida uma zona industrial no âmbito do conceito de aeroporto indústria. O PCP quer ainda que o Governo aposte numa estratégia de médio/longo prazo, para que seja desenvolvido no Alentejo um cluster aeronáutico nacional.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
38 39
17 17
 
 

Nome:

Email:

 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda