CAP apela à valorização da Agricultura e do Mundo Rural
Publicado | 2019-12-30 04:55:14
 
A Confederação dos Agricultores de Portugal, (CAP), na audiência que realizou com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, transmitiu as suas principais preocupações, quer enquanto parceiro social com assento na Concertação Social, quer enquanto sector que enfrenta um conjunto muito exigente de desafios, mas também de oportunidades.
 
Segundo a CAP é necessário “que o poder político, no Governo, na Oposição e em todos os níveis da Administração, reconheça à Agricultura o seu peso, importância e relevância no contexto do emprego, da economia, do investimento, mas também do seu papel social único e verdadeiro agente económico e de gestão do território.  A valorização do Mundo Rural é a valorização de Portugal, das suas gentes, culturas e tradições e é também a valorização do teu território, que se pretende coeso e humanizado.” 
O comunicado, acrescenta que “Portugal descobriu que tem a maior onda do mundo, mas ainda precisa de descobrir que tem uma Agricultura das melhores do mundo – reconhecida pela sua qualidade, pelo seu sabor, pela sua excelência. Que, na próxima década, a Agricultura portuguesa seja reconhecida como motor de crescimento económico e de emprego, que valoriza a promove a produção nacional de forma sustentável e sintonizada com as preocupações e metas ambientais assumidas pelo País. “

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 17
6 9
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda