Ainda vai a tempo de preparar o melhor Bacalhau para o Natal!
Publicado | 2019-12-19 04:59:02
 
Apesar de não ser pescado em águas portuguesas, o Bacalhau é o prato nacional e o ingrediente que associamos ao Natal.
 
Estima-se que 29% do total do consumo de bacalhau em Portugal ocorra na época natalícia e que, na noite da Consoada, sejam comidas entre 4 mil e 5 mil toneladas de bacalhau. Quanto à sua origem, 70% de todo o bacalhau consumido em Portugal é bacalhau da Noruega. Um bacalhau seco e salgado inteiro aproveita-se na íntegra, correspondendo cada parte a receitas diferentes, e ainda cresce cerca de 35% durante o processo de demolha!
Para ser um excelente bacalhau não precisa de ser o mais caro da loja, mas convém conhecer a sua origem! Escolha um Bacalhau bem seco, com boa altura junto à espinha central, de cor palha e feito a partir de peixe fresco. O verdadeiro Bacalhau é da espécie Gadus Morhua e vem do Mar da Noruega. As imitações até podem não ser más, mas não são a mesma coisa… Peça para o cortarem às postas e prepare-se para o demolhar! 

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
18 18
7 8
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda