Rede conjunta de monitorização da qualidade de água no Baixo Guadiana
Publicado | 2019-10-16 04:51:44
 
O Baixo Guadiana, ganhou uma rede conjunta de monitorização da qualidade de água, devido a um projecto transfronteiriço de um milhão de euros.
 
O Baixo Guadiana fica situado no Alentejo, Algarve e na Andaluzia.
De acordo com os promotores, o projecto, que se debruça também sobre outros aspectos da gestão da água transfronteiriça, envolve as universidades de Huelva e do Algarve e as autoridades responsáveis pela gestão de recursos hídricos de ambos os países.
Iniciado em 2017 e com data de conclusão prevista para o final deste ano, o projecto tem financiamento da União Europeia, no âmbito do Programa Europeu de Cooperação Transfronteiriça INTERREG VA Espanha-Portugal (POCTEP), e abrange o Alentejo e o Algarve, em Portugal, e a Andaluzia, em Espanha, na área a jusante do Alqueva.
O objectivo do projecto passa por melhorar a cooperação para gestão da água e da biodiversidade associada à água no traçado transfronteiriço no Baixo Guadiana.
A promotora do projecto, é a Valagua - Valorização ambiental e gestão integrada da água e dos habitats no Baixo Guadiana transfronteiriço, e tem como beneficiário principal a Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM).

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
39 39
19 20
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda