Portugal pode a partir de agora exportar cavalos para a Arábia
Publicado | 2019-08-21 04:17:14
 
Os criadores nacionais de cavalos podem, a partir de agora, exportar para a Arábia Saudita. Segundo o ministério da Agricultura, trata-se de um importante mercado, junto do qual Portugal manifestou interesse em 2018, tendo o processo ficado agora concluído, apenas um ano após o início das negociações.
 
Com o mercado da Arábia Saudita, sobe para 58 o número de mercados abertos por este Governo, viabilizando a exportação de um total de 227 produtos (172 de origem animal e 55 de origem vegetal). Para dar início às operações de exportação para países terceiros é geralmente necessário estabelecer as condições e requisitos fitossanitários ou sanitários com as autoridades competentes dos países de destino. Trata-se de requisitos que têm de ser cumpridos na certificação dos produtos a serem exportados, quer pelos operadores económicos, quer pela autoridade competente nacional, neste caso, a DGAV - Direcção Geral de Alimentação e Veterinária, entidade responsável pela emissão dos certificados sanitários oficiais.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
12 13
5 3
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda