Portugal pode a partir de agora exportar cavalos para a Arábia
Publicado | 2019-08-21 04:17:14
 
Os criadores nacionais de cavalos podem, a partir de agora, exportar para a Arábia Saudita. Segundo o ministério da Agricultura, trata-se de um importante mercado, junto do qual Portugal manifestou interesse em 2018, tendo o processo ficado agora concluído, apenas um ano após o início das negociações.
 
Com o mercado da Arábia Saudita, sobe para 58 o número de mercados abertos por este Governo, viabilizando a exportação de um total de 227 produtos (172 de origem animal e 55 de origem vegetal). Para dar início às operações de exportação para países terceiros é geralmente necessário estabelecer as condições e requisitos fitossanitários ou sanitários com as autoridades competentes dos países de destino. Trata-se de requisitos que têm de ser cumpridos na certificação dos produtos a serem exportados, quer pelos operadores económicos, quer pela autoridade competente nacional, neste caso, a DGAV - Direcção Geral de Alimentação e Veterinária, entidade responsável pela emissão dos certificados sanitários oficiais.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
30 29
18 17
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda