Governo decreta Situação de Alerta até 21 de Agosto
Publicado | 2019-08-13 04:15:48
 
O Ministro da Administração Interna declarou, por despacho, a Situação de Alerta até às 23h59 do dia 21 de agosto de 2019, em todo o território de Portugal continental.
 
A Situação de Alerta é declarada na sequência da Situação de Crise Energética decidida pela Resolução de Conselho de Ministros face à suscetibilidade de serem afectados bens e serviços absolutamente essenciais à população. 
A Situação de Alerta determina a implementação das seguintes medidas:
O Centro de Coordenação Operacional Nacional (CCON) da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) acompanha em permanência a situação em todo o território continental;
A Comissão Nacional de Proteção Civil (CNPC) reúne no âmbito da Lei de Bases de Proteção Civil;
É elevado o grau de prontidão e resposta operacional de todos os agentes de proteção civil para operações de protecção e socorro e de assistência, face a sectores da população mais vulneráveis, bem como outros seres vivos, suscetíveis de serem afetados pela carência de combustível;
É elevado o grau de prontidão das forças de segurança, nomeadamente para o reforço de meios para operações de patrulhamento e escolta que permitam garantir a concretização das operações de abastecimento de combustíveis, bem como a respetiva segurança de pessoas e bens;
É elevado o grau de prontidão das equipas de resposta das entidades com especial dever de cooperação nas áreas das comunicações (operadoras de redes fixas e móveis) e de energia;
A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil fica autorizada a convocar:
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
15 17
6 7
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda