Alexandra Caeiro vencedora da Bolsa de Estudo YMFE
Publicado | 2019-03-25 07:00:54
 
A jovem trompetista nascida em 2000, em Moura, foi a vencedora do programa de bolsas de estudo da Yamaha Music Foundation of Europe 2018/19 para alunos de trompete. Sobre o programa de bolsas da Yamaha Music Foundation, Alexandra Caeiro comentou: “Ganhar a Bolsa de Estudo da Yamaha para mim significa, em poucas palavras, a grande recompensa de um trabalho árduo que tenho realizado até aqui, com a grande ajuda dos meus professores. É uma grande conquista ver o meu esforço ser, de certa forma, recompensado, sendo este prémio uma enorme ajuda monetária nos meus estudos.” Alexandra Caeiro é aluna do Prof. Filipe Coelho na Escola Profissional da Metropolitana (EPM).
 

As provas finais realizaram-se no dia 13 de Fevereiro de 2019, no pequeno auditório do Conservatório de Música do Porto.

Alexandra Caeiro Moita nasceu a 23/03/2000, sendo natural de Moura, Baixo Alentejo. Oriunda de uma família ligada ao ensino da música, durante a sua infância começa a interiorizar todas as aprendizagens que lhe eram transmitidas. Por influência de sua mãe e pelo gosto que já revelava em querer estudar música, integra o ensino articulado do CRBA (Conservatório Regional do Baixo Alentejo), onde frequentou durante 5 anos (ensino básico), os seus estudos de trompete com o professor Hélio Ramalho. Durante a sua permanência neste conservatório, a aluna frequentou semestralmente os estágios de orquestras de Sopros e masterclasses, os quais se realizavam em Beja, Reguengos e Faro. Paralelamente aos estudos de trompete, durante a sua permanência no ensino básico, recebeu aulas particulares de guitarra.

No ano de 2016, para poder dar continuidade aos seus estudos de trompete, desloca-se para a cidade de Évora, onde frequentou durante 1 ano o Conservatório Regional de Évora (em regime articulado), tendo como professor Artur Barroso. Ainda neste ano, a aluna integra o concurso de “Jovens solistas 2016”, promovido pela Orquestra Clássica do Sul, Faro, onde obteve o 1º lugar na modalidade de trompete e executa a solo os 2º e 3º andamentos do concerto para trompete de Joseph Haydn. No final de 2016, candidata-se ao concurso televisivo “The Voice” como vocalista e usa o trompete para conquistar o Júri, conseguindo permanecer no programa até á 1ª gala.

A partir do ano 2017, Alexandra continua os seus estudos em trompete na EPM (Escola Profissional Metropolitana) de Lisboa, com o professor Filipe Coelho.

 

No início de 2018, candidata-se ao concurso de Trompete da Póvoa de Varzim, no qual obteve o 2º lugar na sua categoria. Em dezembro 2018, candidata-se a integrar a JOP (Jovem Orquestra Portuguesa), conseguindo entrar (como suplente) e conquistar um lugar como trompetista.

Em fevereiro de 2019, candidata-se à bolsa de Estudos para Trompete da Yamaha, conseguindo o 1º lugar, obtendo um prémio bastante significativo para ajuda dos seus estudos no futuro.

 Alexandra, para além de desenvolver os seus estudos como trompetista, desenvolve paralelamente uma paixão pelo canto, pois sonha também com a concretização de uma formação mais especializada ao nível do canto lírico, apesar da jovem estudante se apresentar também em outros registos e géneros musicais. Sendo esta a sua segunda paixão musical, desde muito cedo que integra Bandas Rock na sua terra natal. Aos 13 anos (2013), iniciou-se como vocalista/trompetista fundadora da Banda “No Stress”; seguindo-se em 2014 a banda ”Imaginarium”, com a qual ganha o 1º prémio de concurso de bandas Rock em Moura; de momento é vocalista/trompetista da banda “PeeKaboo”, com a qual tem realizado imensos concertos na sua região e fora do distrito.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
19 24
7 8
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda