Reunião confirma o real interesse dos ingleses na Moura Fábrica Solar
Publicado | 2019-03-12 04:07:38
 
Ontem teve lugar, em Moura, uma reunião de trabalho com uma empresa de investidores ingleses onde o futuro das instalações da Moura Fábrica Solar (MFS) e dos seus trabalhadores estiveram em cima da mesa.
 
Na reunião estiveram presentes Pedro do Carmo, deputado do PS na Assembleia da República, o Presidente do Município de Moura, Álvaro Azedo e representantes dos investidores ingleses.
Pedro do Carmo, após a reunião, adiantou à Planície que “foi confirmado que há um real interesse por parte destes investidores em reabrir a fábrica e aproveitar o know-how dos trabalhadores qualificados e do espaço.”
O deputado realça ainda que “a reunião decorreu com um conjunto de questões colocadas pelos investidores, todas elas aceites e confirmadas. É uma empresa também na área da energia que voltará brevemente a Moura já com um plano de negócios definitivo e construído em parceria, para que efectivamente seja uma realidade.”
O Presidente do Município de Moura, Álvaro Azedo, também no final desta reunião acrescentou à Planície que “foi uma boa reunião de trabalho. Temos agora «muita pedra para picar» nos próximos tempos, para que se consolide o investimento que todos desejamos na cidade e no concelho de Moura. Vamos trabalhar no sentido de materializar este investimento.”
Relembramos que esta empresa internacional, de capitais ingleses, de produção de componentes na área da energia veio para analisar as instalações da fábrica de Moura de painel solar, na perspectiva de poder instalar uma unidade de produção de sistemas de baterias em Moura e em Portugal.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
19 19
6 8
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda