PCP questiona governo sobre o futuro do Museu Regional de Beja
Publicado | 2019-02-18 04:38:44
 
A transferência do Museu Regional D. Leonor em Beja para a rede de museus do Ministério da Cultura levantou algumas questões ao PCP que em sede da Assembleia da República colocou à Tutela.
 
O Deputado do PCP eleito por Beja, João Dias, salientou à Planície que “o Museu Rainha Dona Leonor mais conhecido e referido como Museu Regional de Beja, trata-se do mais antigo museu, não só da cidade de Beja, como do país. Instalado no convento Nossa Senhora da Conceição, este Museu detém um rico vastíssimo espólio. Ainda não temos muita informação mas segundo o que tem vindo a público o Museu vai deixar de ser gerido pela Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) e passar a integrar a rede de museus do Ministério da Cultura, numa gestão partilhada com a Câmara Municipal de Beja. Esta alteração resulta da reunião do Conselho de Ministros, ocorrida no passado dia 7 de Fevereiro, que aprovou o Decreto-Lei que visa a passagem da tutela do Museu Regional de Beja para a Delegação Regional da Cultura do Alentejo. “ 
Perante esta situação o deputado questiona “é necessário saber qual o plano de investimentos previsto para o Museu Regional de Beja, garantir que todo o espólio e o acervo do Museu Regional de Beja será mantido à sua guarda, não sendo disperso por outras instituições nacionais ou internacionais, a gestão partilhada com a Câmara Municipal de Beja, em que moldes será feita e quais as responsabilidades de cada entidade envolvida.”
Para o político está em causa o futuro daquela instituição que possui um tesouro cultural de extrema importância para o Distrito, para o Alentejo e para Portugal.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
22 20
9 12
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda