PSD de Beja esclarece falência técnica da ULSBA
Publicado | 2019-02-12 04:34:25
 
A Distrital de Beja do PSD emitiu uma nota de imprensa sobre o facto de surgirem noticias sobre a falência técnica da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo.
 
O presidente da distrital de Beja do Partido Social Democrata, João Guerreiro, explicou à Planície que “a ULSBA, tal como o todo o SNS, encontra-se em falência técnica sendo imperioso encontrar outro modelo de financiamento. Isto sucede desde 2008, uma vez que a verba não é suficiente para as despesas.” 

João Guerreiro sublinha ainda que “o anterior conselho de administração da ULSBA nomeado pelo Governo PSD/CDS recebeu do anterior, (do qual faziam parte dois membros do que está presentemente em funções) um passivo de 50.626,700,92 euros. O exercício de 2016, o último do anterior conselho de administração, terminou com um passivo de cerca de 28 milhões de Euros.” 

O presidente da distrital refere ainda que “a ULSBA ainda se encontra em falência técnica e é expectável que esta situação possa ser agravada pelo resultado de 2018. Com menos financiamento porque o Distrito tem pouca população e a que tem na sua maioria é idosa o que faz com que sejam necessários mais tratamentos, logo as despesas são maiores do que a verba que recebe.”  

João Guerreiro salienta que este problema é comum a todo o sistema de saúde com a excepção do Hospital de braga que é público privado e tem um sistema de administração diferente.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
17 16
8 7
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda