Abandono escolar atinge "mínimo histórico" em 2018
Publicado | 2019-02-12 04:31:16
 
O abandono escolar atingiu, no ano passado, o valor mais baixo de sempre, tendo descido de 12,6% em 2017 para 11,8%, segundo dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).
 
Segundo os dados do INE, em 2011, mais de um em cada cinco jovens abandonavam a escola antes de terminar os estudos (23%).   Em apenas sete anos verificou-se uma redução de mais de dez pontos percentuais.

O Ministério da Educação recorda que “o abandono escolar é uma das grandes vulnerabilidades do sistema educativo e, por isso, um dos principais objectivos da actual legislatura sempre foi a redução do abandono.” A tutela garante irá continuar a trabalhar nesse sentido, e lembra algumas das medidas que considera que têm contribuído para esta diminuição da taxa de abandono, tais como o Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar, centrado no trabalho em sala de aula e na detecção precoce de dificuldades ou o Apoio Tutorial Específico destinado a alunos em situação de insucesso e em risco de abandono.”
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
17 16
8 7
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda