PCP opõem-se a qualquer intenção de privatização da EDIA
Publicado | 2015-05-26 04:54:37
 
A Direcção da Organização Regional de Beja do PCP reuniu na passada sexta-feira, dia 22, para abordar a situação social e política nacional e local.
 
No encontro, entre outras matérias, foi abordado o empreendimento de fins múltiplos de Alqueva. O PCP recordou a proposta apresentada para elaboração de um Plano Estratégico de desenvolvimento para a área de influência de Alqueva, em estreita colaboração com as instituições representativas da região, incluindo a criação de um Concelho de Avaliação e Acompanhamento do Plano, que concretiza as suas orientações, associado à necessidade da inversão do modelo de desenvolvimento que tem vindo a ser aplicado, que segundo os comunistas tem favorecido os interesses do capital e de aumento da exploração dos trabalhadores. O PCP diz ainda que vai opor-se a qualquer intenção de privatização da EDIA e apela ao Governo para que coloque fim ao subfinanciamento da empresa, cujo papel enquanto entidade pública é fundamental para contribuir para que Alqueva seja um projecto ao serviço dos interesses da região.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
29 30
11 12
 
 

Nome:

Email:

 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda