Operação Floresta Segura 2019 da GNR está no terreno
Publicado | 2019-01-16 04:19:30
 
A Guarda Nacional Republicana (GNR) tem no terreno até 6 de Dezembro, em todo o território nacional, a operação “Floresta Segura 2019”, através do Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) e do Grupo de Intervenção Protecção e Socorro (GIPS), a qual integrará várias fases, desde o planeamento e execução de acções de sensibilização e de fiscalização, no que diz respeito às faixas de gestão de combustível, até ao reforço de patrulhamento e vigilância, para prevenir comportamentos de risco, assim como detectar e combater incêndios rurais, com a finalidade de garantir a segurança das populações e do seu património e salvaguardar o tecido florestal nacional.
 
Neste sentido, a GNR, em coordenação com a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) e o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) irá, junto das populações, das autarquias, produtores florestais, comunidades escolares e agricultores, promover acções de sensibilização, com o intuito de alertar para a importância dos procedimentos preventivos a adoptar, nomeadamente sobre o uso do fogo em queimas e queimadas, a limpeza e remoção de matos, a manutenção das faixas de gestão de combustível e a adopção de medidas de protecção dos aglomerados e de autoprotecção, no âmbito dos Programas Aldeia Segura e Pessoas Seguras.  

Em apoio à ANPC, no combate aos incêndios rurais, a GNR irá empenhar forças do GIPS em acções de ataque inicial e ampliado/estendido, com meios terrestres e helitransportados e, através do SEPNA, garantirá a validação, medição das áreas ardidas e investigação das causas dos incêndios.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
22 14
9 7
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda