PCP de Moura exige melhoria nos serviços públicos de transporte do concelho
Publicado | 2018-10-02 04:47:53
 
A qualidade do serviço público de transporte rodoviário disponibilizado no concelho de Moura, com o início do novo ano lectivo, tem tido muitas queixas em relação à qualidade do serviço, segundo comunicado de imprensa dos comunistas.
 
Em declarações à Planície, Bruno Monteiro do PCP, diz que “existem utilizadores, nomeadamente crianças e jovens em idade escolar, que utilizam o transporte público (Barranquense e Rodoviária do Alentejo), do que lugares disponíveis nos mesmos, o que faz acontecer, uma de duas situações, ou existem passageiros que vêem de pé ou então têm de ficar à espera nas paragens das freguesias rurais que o autocarro venha a Moura e depois volte para os trazer, situação que se reflecte em faltas às aulas e percas de conteúdos programáticos por parte dos alunos.”

O representante do PCP e presidente da Freguesia do Sobral da Adiça, Bruno Monteiro avança ainda que “em respeito aos utilizadores da Freguesia de Sobral da Adiça, o executivo CDU já tomou posição, considerando inadmissíveis as condições em que se efectuado o transporte de passageiros, sobretudo o de crianças e jovens em idade escolar.”

O comunicado refere ainda “Estas situações de preocupação são extensíveis a outras localidades do concelho e já foram reportadas.” Destacando também “a progressiva degradação das condições de vida no interior no país, provocada por anos de desinvestimento e políticas erradas por parte dos sucessivos governos PS/PSD/CDS.” 

Por último o PCP de Moura acusa o executivo municipal de estar desatento em relação a esta questão, exigindo que se tomem medidas de disponibilização de mais autocarros, melhoramento dos mesmos e horários diferenciados.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
24 25
14 14
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda