Enfermeiros estão até hoje em greve
Publicado | 2018-09-21 04:17:21
 
Os enfermeiros encontram-se em greve até hoje.
 
Este protesto, convocado pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal, Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros e Sindicato dos Enfermeiros da Região Autónoma da Madeira, tem como objectivo alertar para a revisão da carreira de enfermagem, em que nos últimos meses têm havido negociações com o ministério da Saúde, que só na semana passada apresentou o documento com uma proposta. 

Edgar Santos, coordenador do SEP no Alentejo, em declarações à Planície, afirma que o problema é que aquilo que o Governo propõe, a nível da carreira de enfermagem, é pior do que aquilo que existe.

O coordenador do SEP, em relação à adesão da greve, diz que no Hospital de Beja está a ser perto dos 60,17%, em Serpa, no Hospital de São Paulo atinge os 100%, em Portalegre é de 75% e em Évora de 74%. “A paralisação vai certamente ter implicações em vários serviços, ainda que a os serviços mínimos estão assegurados”, diz Edgar Santos.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
24 25
14 14
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda