PCP/Moura quer respostas para os problemas da Saúde no concelho
Publicado | 2018-08-24 00:43:26
 
Os comunistas de Moura acusam, em comunicado de imprensa, sucessivos governos no desinvestimento na saúde, da desastrosa política de recursos humanos e do encaminhamento de doentes para os serviços privados de Saúde.
 

O concelho de Moura não é excepção, segundo José António Oliveira, da Comissão Concelhia de Moura do PCP, em declarações à Planície, adianta que “o Centro de Saúde demonstrou, desde a sua construção, falhas graves a nível estrutural, tanto na organização do espaço como na qualidade construtiva e, por isso, desde há muito que uma requalificação de fundo, incluindo o aproveitamento do espaço denominado bunker para instalação de serviços, é necessário.

Nos recursos humanos a insuficiência de assistentes técnicos e assistentes operacionais cria problemas aos serviços.

No corpo clínico, o modelo de contratação ajuda a que a estabilidade laboral dos médicos seja débil e as incertezas sobre a sua manutenção em funções, uma constante.

No Serviço de Urgência Básica (SUB) o PCP reivindica a instalação deste serviço conforme a legislação define. Para além de problemas estruturais nas instalações, como casas de banho dos utentes recorrentemente avariadas e encerradas, parte da sala de espera reduzida para instalação de espaço de triagem, continua a não ser cumprido o critério do número de profissionais ao serviço. O SUB de Moura continua sem dispor de serviço de radiologia em permanência, estando a ser dados passos em sentido inverso, uma vez que, ao invés dos dois enfermeiros que têm de estar escalados por turno, em alguns turnos, nomeadamente à noite, está de serviço apenas um enfermeiro.”

Pode ler-se ainda no documento, que o PSD e o CDS, no seu governo, deram um contributo fundamental para a deterioração do Serviço Nacional de Saúde. O actual Governo do PS, não quer fazer a necessária inversão de políticas para o SNS, sempre para agradar a Bruxelas e aos grandes interesses instalados na saúde.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
35 33
20 20
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda