Terminou o Festival «Terras Sem Sombra»
Publicado | 2018-07-03 04:41:53
 
O Festival “Terras Sem Sombra” terminou, no passado fim-de-semana, em Santiago do Cacém, o roteiro pelo Alentejo.
 
José António Falcão, director geral do Festival considera que a iniciativa fez “um percurso muito amplo”. Em 2018 o evento conheceu um crescimento significativo quer em número de concertos, quer em número de espectadores e participantes, salientou António Falcão à Planície.

 Em seu entender o Festival “consolidou a sua posição no panorama europeu”.

O director geral da iniciativa refere que “a edição do próximo ano já está a ser planeada”. Em 2019 o programa “aponta para a linha da internacionalização. Esperamos poder continuar este caminho que aponta cada vez mais para uma dimensão ibérica, transfronteiriça e valorizar os territórios raianos, como é o caso da margem esquerda.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
36 36
16 18
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda