Criação do conselho internacional de tauromaquia
Publicado | 2018-06-21 04:52:08
 
As organizações do sector da tauromaquia de Portugal, Espanha e França, assinaram em Madrid, ontem dia 20 de Junho, um protocolo que visa a defesa dos valores culturais da tauromaquia.
 
Um dos objectivos deste protocolo é também criar estratégias para fazer face aos opositores às touradas.

Do acordo entre as diferentes federações de tauromaquia, nomeadamente a Protoiro, de Portugal; a Fundação do Touro de Lide, de Espanha; e o observatório Nacional das Culturas Taurinas, de França, resultou a criação do Conselho internacional de Tauromaquia- CIT, que tem em vista a defesa e a promoção das touradas, não só nos três países acima referidos como também a nível internacional, levando a cultura taurina para organizações como as Nações Unidas e o Parlamento Europeu.

As três associações defendem que a tauromaquia deveria ter mais reconhecimento pois é “a realidade de uma cultura identitária e da maior importância”.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
34 34
16 16
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda