Barrancos recebe «Festival Terras sem Sombra»
Publicado | 2018-05-29 04:38:59
 
A vila raiana de Barrancos abre as portas, a 2 e 3 de Junho, pela primeira vez, ao festival clássico do Alentejo Terras sem Sombra.
 
Em palco, um dos mais destacados agrupamentos portugueses de música antiga, o Ludovice Ensemble, que tem triunfado em grandes festivais e teatros do mundo e que propõe uma viagem, ao longo de vários séculos, até às míticas fronteiras do Oriente. Este surpreendente programa artístico é complementado por visitas ao território de Noudar.

Um dos périplos visa a redescoberta do castelo de Noudar, sentinela no coração da Andaluzia, e da povoação, outrora, sede de concelho, existente dentro dos seus muros, abandonada no séc. XIX. O outro percurso descobre os tesouros da biodiversidade nos campos ao redor, onde é possível estar com um pé em Portugal e outro em Espanha. Pelo meio, haverá tempo para conhecer um pouco da identidade e da língua barranquenhas, tal como explicou José António Falcão Director Geral do Terras sem Sombra, à Planície. 

Estas actividades, organizadas pela Pedra Angular, em parceria com o Município de Barrancos e a EDIA, são todas de acesso livre. Trata-se de uma ocasião única para conhecer uma das regiões mais belas e singulares do país.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 20
11 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda