Apesar da chuva não é provável que Alqueva atinja a cota máxima este ano
Publicado | 2018-04-12 04:24:05
 
Os próximos dias continuarão a ser de chuva, o que irá contribuir para a regularização das reservas de água em Portugal, após cerca de três anos de seca. No Alentejo, a Barragem de Alqueva registava na última terça-feira, dia 10, às 23 horas, uma cota de 148,88, muito perto da sua cota máxima de 152 metros.
 
A chuva registada em Março fez com que, no caso de Alqueva, o armazenamento de água aumentasse em cerca de 750 milhões de metros cúbicos, o que representou um aumento da cota em cerca de 4 metros, tal como explicou na Rádio Planície José Pedro Salema, Presidente da Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva.

O mesmo responsável avançou ainda que apesar da chuva prevista para este mês de Abril não é espectável que se atinja a cota máxima do Grande Lago, neste ano de 2018.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
10 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda