Procura de petróleo no Alentejo alargada até 2019
Publicado | 2018-02-28 04:20:49
 
Foi prorrogado, por um ano, o período inicial de prospecção e pesquisa de petróleo na bacia do Alentejo. O Governo tomou esta decisão por entender que o atraso na operação não é da responsabilidade do consórcio.
 
A decisão terá sido tomada no início de Janeiro e prevê agora que o prazo para encontrar petróleo na costa alentejana se estenda até ao início de 2019. Refira-se que o consórcio que promove esta operação é liderado pela petrolífera italiana Eni, que detém 70%, integrando também a Galp, que tem 30% neste consórcio. Inicialmente a data prevista para ser realizada a primeira sondagem de pesquisa de petróleo na bacia do Alentejo era até 31 de Janeiro de 2018.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
18 21
8 10
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda