Covid-19 – Descoberta de antiviral a partir de uma planta que existe no Alentejo
Publicado | 2021-02-04 05:41:11
 
Uma nova propriedade antiviral de um medicamento, a tapsigargina, que é “altamente eficaz” contra o novo coronavírus, foi descoberta por uma equipa internacional de investigadores, anunciou a Universidade de Nottingham, no Reino Unido.
 

O estudo que levou à descoberta, publicado no boletim científico Viruses, mostra que a tapsigargina é um promissor antiviral de amplo espectro e considerado “altamente eficaz” contra o coronavírus SARS-CoV-2, que provoca a doença Covid-19, mas também contra o vírus da gripe comum, o vírus sincicial respiratório (VSR) e o vírus influenza A.

Os investigadores defendem que a descoberta pode ter enormes implicações na forma como vão ser geridas as futuras epidemias e pandemias, incluindo a pandemia de Covid-19.

A planta encontra-se em grande abundância nos matos do Alentejo e também no interior centro.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda