Covid-19 - Sindicatos exigem testes à comunidade escolar
Publicado | 2021-01-15 05:11:52
 
Sobre a opção para as escolas em período de confinamento se manterem com aulas presenciais, a FENPROF emitiu um comunicado referindo que, “falta saber se a decisão do governo se resume à decisão política ou assenta em fundamentos científicos”.
 

No documento pode ainda ler-se que “não foi elaborado um mapeamento de casos e a situação foi sempre desvalorizada pelos governantes, apesar de a FENPROF ter confirmado, entre Setembro e Dezembro, a existência de, pelo menos, 1077 escolas em que foram identificados casos de Covid-19; também não se realizaram rastreios, como se exigia, mesmo quando surgiam casos de infecção e se justificava, no mínimo, testar os contactos próximos”.

Assim, a FENPROF considera indispensável que se deverá garantir nas escolas em que se mantem o regime presencial, a realização de testes gratuitos à comunidade escolar;

Sejam realizados testes a todos os contactos próximos dos casos positivos confirmados (turma e docentes);

Os docentes devem, de imediato, integrar a segunda fase de vacinação contra a Covid-19;

Haja uma significativa melhoria das condições de segurança sanitária, designadamente ao nível do distanciamento físico e através do reforço de recursos humanos necessários à garantia de limpeza profunda dos espaços entre cada utilização;

Sejam afectados os recursos necessários, com vista a reduzir o número de alunos nas salas, garantindo, assim, ser seguro que a abertura de janelas tenha lugar, apenas, durante os intervalos, pelo menos neste período marcado por intenso frio;

Sejam alteradas as condições de protecção aos docentes de grupos de risco, garantindo a sua protecção efectiva, como o pagamento do salário ou permitindo que desenvolvam actividade em regime de teletrabalho.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda