CIMBAL diz que Estratégia de Desenvolvimento e do Pacto foram afectados
Publicado | 2015-08-14 04:37:15
 
A assinatura do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial do Baixo Alentejo, teve lugar no passado dia 31 de Julho de 2015.
 
A CIMBAL - Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, chama uma vez mais a atenção para o facto das aspirações dos Municípios para a concretização do seu projecto de desenvolvimento terem ficado muito aquém do real quadro de necessidades.
A CIMBAL apresentou uma proposta global de cerca de 36 milhões de euros de Fundo, no entanto o valor que irá receber ao abrigo do Pacto é de 28.698.683 euros. A verba é proveniente do PO Alentejo, de onde provêm a maior fatia, com 26.866.683 euros (21.827.211 do FEDER e 5.039.472 do FSE), POSEUR, contribui com 232.000 euros e o POISE com 1.600.000 euros.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
25 24
15 12
 
 

Nome:

Email:

 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda