A situação do comércio no distrito de Beja “é muito preocupante”
Publicado | 2020-11-10 04:24:42
 
A situação do comércio no distrito de Beja está-se a agravar e prevê-se tempos muito difíceis no futuro, devido ao efeito da pandemia na economia. O Director da Associação do Comércio e Turismo do Distrito de Beja, (ACDB), João Venâncio Rosa, sublinhou à Planície que “a situação actual é má, e nesta região particularmente, devido ao poder de compra ser baixo”.
 

“Esta situação de pandemia veio agravar fortemente a situação económica da região, especialmente dos pequenos comerciantes, que já vinham, mesmo antes disto, a atravessar uma fase difícil, que agora piorou. Estão muito preocupados com o futuro próximo, já que se advinham tempos difíceis”. Refere o director da ACDB.

A parte da restauração é a que mais preocupação trás ao representante da associação. João Rosa adianta que com as nas novas medidas “ainda mais vem a agravar as coisas, nomeadamente com a restauração. Nós não entendemos que tenham que fechar às 13h no fim-de-semana. Mais valia não abrir”. Sublinhando que “compreendemos que o Governo tenha tomado medidas para controlar a pandemia, que está a tomar proporções muito gravosas por todo o País, mas podia haver alguns ajustamentos no horário de fim-de-semana, principalmente na restauração”.

Recordamos que Beja é o único concelho do Baixo Alentejo incluído nas medidas especiais decretadas pelo Estado de Emergência.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda