OE 2021 - Investimentos ferrovia inclui novos comboios para Beja
Publicado | 2020-10-13 19:08:33
 
Segundo o Relatório do Orçamento do Estado, para 2021, (OE2021), entregue na Assembleia da República, o Governo tem um orçamento de 384 milhões de euros para as principais intervenções na rede ferroviária nacional.
 

O investimento mais do que duplica em 2021 porque as intervenções estão a passar do papel para o terreno. Estas obras na ferrovia também contam com financiamento comunitário e têm de ficar concluídas até ao final de 2023, sob pena de perder esse financiamento.

A maior parte deste investimento está por conta do corredor internacional sul. Em 2021, serão gastos 147 milhões de euros na modernização e electrificação do troço Elvas-Fronteira da linha do Leste; da construção de três subtroços, no total de 80 quilómetros, na nova linha Évora-Caia e ainda na modernização da linha de Sines/Sul, fundamental para o acesso ao porto de Sines.

Ainda na ferrovia, há uma fatia de 5 milhões de euros em 2021 para financiar a compra de 22 novas automotoras destinadas ao serviço regional da CP, em linhas electrificadas e não electrificadas.

Além das 12 automotoras híbridas (podem funcionar a diesel e a electricidade) serão entregues 10 automotoras eléctricas. Estes comboios vão circular em linhas regionais como Douro, Oeste, Évora e Beja.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda