STAL hoje em protesto frente ao parlamento
Publicado | 2020-09-16 04:57:47
 
Os dirigentes, delegados e activistas do Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local, (STAL), vão concentrar-se hoje junto à Assembleia da República, para exigir a regulamentação do suplemento de insalubridade, penosidade e risco.
 

Nesta acção, que terá início pelas 15 horas e deverá contar com cerca de meia centena de participantes, será aprovada uma carta aberta dirigida ao governo, Assembleia da República e respectivos grupos parlamentares, bem como às autarquias.

Na proposta de texto, sublinha-se que o suplemento de insalubridade, penosidade e risco “é uma justa reivindicação de milhares de trabalhadores” das autarquias, que “asseguram funções essenciais à saúde pública e à vida das comunidades, às quais estão associadas condições de insalubridade, penosidade e risco”, hoje agravadas pela crise pandémica.

O documento condena o recente chumbo na Assembleia da República dos projectos de regulamentação apresentados pelo PCP, PEV e BE, na sequência da petição promovida pelo STAL, acusando a bancada do PS de ter faltado ao compromisso assumido de contribuir para uma solução consensual.

O STAL recorda ainda que dezenas de autarquias aprovaram recomendações ao governo e à Assembleia da República em defesa da regulamentação do referido suplemento.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
20 19
13 11
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda