Actual presidente da CCRD Alentejo pode candidatar-se como independente
Publicado | 2020-09-02 04:22:50
 
De acordo com a notícia avançada pelo Jornal O Expresso, a menos de um mês e meio das eleições indirectas para as cinco Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) apesar dos socialistas levarem vantagem no Alentejo, a sucessão de Roberto Grilo, (actual presidente em funções há cinco anos), está longe de ser pacífica.
 

Roberto Grilo, militante do PSD, pondera avançar como independente à revelia do pacto nacional.

A mesma noticia, avança que “ António Ceia da Silva, ex-deputado do PS e presidente do Turismo do Alentejo e Ribatejo, é o candidato favorito do partido, defendido junto de Costa pelos ex-presidentes das federações do PS de Portalegre, Luís Testa, Évora, Norberto Patinho, e do Baixo Alentejo, Pedro do Carmo, escolha que está a gerar mal-estar juntos dos líderes recém-eleitos.”

Segundo uma fonte do PS local, se houver uma coligação negativa de autarcas do PSD, CDU e independentes a eleição de Ceia da Silva ficará comprometida, já que há socialistas, que apoiam a eleição de Roberto Grilo, que consideram ser um gestor competente que desenvolveu um território assimétrico sem olhar a cores partidárias.

Sendo o voto secreto, nada garante que as disciplinas de voto sejam cumpridas nas urnas, mesmo entre as obedientes hostes do PCP, que se colocou à margem do processo por defender a regionalização.

 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
27 24
13 12
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda